Direitos civis e contracultura nos EUA - Cronologia

Direitos civis e contracultura nos EUA

Autor(a): Sean Purdy

E-mail: sean_purdy1966@yahoo.ca

 

Cronologia do Movimento por Direitos Civis nos Estados Unidos

 

1865 - Escravidão é abolida nos Estados Unidos pela 13ª Emenda à Constituição.1878-1905 - Conhecido com "Jim Crow", um sistema formal e informal de segregação de negros em todos os aspectos da vida era construída nos estados sulistas dos Estados Unidos. Segregação e racismo informal continuam nos estados nortistas.

1896 - Em Plessy v. Ferguson a Corte Suprema dos Estados Unidos oficialmente estabeleceu segregação racial como uma doutrina constitucional. 

1909 - Associação Nacional para o Progresso de Pessoas de Cor (NAACP em inglês) foi fundada por brancos progressistas e o historiador e sociólogo negro W.E.B. DuBois para lutar no sistema legal por diretos civis e contra a discriminação racial na educação, nos serviços públicos e no mundo do trabalho.

1910-1960 - Aconteceu a "grande migração" de negros do sul dos Estados Unidos para as cidades nortistas e oestes.

1925 - O primeiro sindicato de trabalhadores negros, A Fraternidade de Porteiros nas Ferrovias, foi fundado pelo socialista negro A. Philip Randolph.

1937 - A Corte Suprema dos Estados Unidos revogou as condenações de estupro de nove jovens negros conhecidos como os "Scottsboro Boys". 

De 1931 a 1937, o Partido Comunista dos Estados Unidos liderou uma ampla e bem sucedida campanha em defesa dos injustamente condenados jovens.

1941 - Presidente Franklin Roosevelt estabeleceu o Ato de Emprego Justo, proibindo segregação nas indústrias de defesa, depois de uma campanha por ativistas por direitos civis.

1942 - O Congresso para Igualdade Racial (CORE em inglês) foi fundado e se dedicou às campanhas de não violência contra discriminação racial.

1948 - Presidente Truman aboliu segregação nas Forças Armadas.

1954 - Em Brown v. Board of Education a Corte Suprema revogou Plessy v. Ferguson e proibiu segregação nas escolas públicas. 

1955 - Emmett Till, um jovem negro de Chicago, foi linchado e morto em 1955 em Mississipi; seu caso se tornou um símbolo da injustiça racial nos Estados Unidos.

1955 - Rosa Parks lançou a bem sucedida Campanha de Boicote de ônibus em Montgomery, Alabama.

1957 - Martin Luther King fundou a Conferência de Liderança Cristã do Sul.

1960 - Comitê Sulista de Coordenação Não Violenta (SNCC em inglês), organizado por estudantes e ativistas como Stokely Carmichael, Ella Baker e Bob Moses foi fundado e começou campanhas de ocupações de restaurantes e serviços público segregados.

1961 - CORE organizou uma Viagem de Liberdade, transportando 500 brancos e negros do Norte em ônibus para, simbolicamente, quebrar a segregação no transporte público. A polícia local e brancos racistas responderam com violência brutal.

1963 - De junho a agosto, o Departamento de Justiça documentou mais de 1.412 manifestações distintas por direitos civis, inclusive marchas e ocupações; em uma semana de junho, mais de 15 mil americanos foram presos por conta de protestos em 186 cidades.

1963 - Em agosto, CORE, NAACP, SNCC, SCLC e vários sindicatos organizaram a Marcha por Emprego e Liberdade de 200 mil pessoas em Washington em frente ao Memorial a Lincoln.

1964 - CORE, SNCC e NAACP organizaram o "Verão de Liberdade" para ajudar negros no sul a tirarem título de eleitor e protestar contra a discriminação racial.

1964 - O Congresso e o Senado aprovaram a Lei dos Direitos Civis proibindo segregação em educação e serviços públicos.

1964-1969 - 341 rebeliões urbanas em 265 cidades deixando 221 mortos, em grande parte, negros.

1964 - Luther King ganhou o Premio Nobel de Paz.

1965 - O Congresso e Senado aprovaram a Lei do Direito de Voto proibindo discriminação racial no processo eleitoral.

1965 - Malcolm X foi assassinado em Nova York.1965 - O Movimento pela Liberdade em Chicago foi lançado pela SCLC e Luther King para acabar com discriminação em habitação e emprego dos negros nas cidades nortistas.

1965 - Luther King critica o governo de Lyndon Johnson sobre a guerra na Vietnã.

1966 - Militantes do SNCC e outros grupos começam falar sobre a necessidade de "auto-defesa" armada dos negros contra brutalidade da polícia e racistas brancos, organização autônoma e orgulho na cultura e tradição afro-americana. 

1966 - O Partido dos Panteras Negras foi fundado na Califórnia e o movimento "Black Power" começa eclipsar o convencional movimento por direitos civis liderado por Luther King.

1968 - Luther King visitou uma greve de servidores da limpeza pública em Memphis e planejou uma Marcha dos Pobres.

1968 - Luther King foi assassinado em Memphis.

1986 - Os Estados Unidos comemoram um novo feriado nacional no dia 15 de janeiro o Dia de Martin Luther King, Jr.